Inclusão e Diversidade

E aii Família!! Desde o início do mês de setembro vem ocorrendo uma maratona de desfiles que ditam as tendências e apostas para o verão 2019. A Semana de Moda de Nova York abriu a temporada, de 6 a 12 de setembro. Depois tivemos Londres (de 13 a 18 de setembro) e Milão (de 18 a 23). Agora seguimos até o começo de outubro em Paris (de 24 de setembro a 2 de outubro).

Um tema muito presente nas passarelas dessa temporada é a diversidade! Se você pegar qualquer revista de moda, vai perceber que, desde sempre, há um padrão entre as modelos que estampam as mais diversas páginas. Agora é nítida a preocupação de algumas marcas em trazer mulheres reais, de todas as origens, cores, gêneros e shapes.

Durante a NY Fashion Week, uma abundância de cores vivas dominou as coleções e o mesmo aconteceu com as modelos. A marca de lingerie da Rihanna, por exemplo, trouxe uma das apresentações mais empoderadas de todas: além de apostar na diversidade tanto no casting do desfile quanto nas modelagens e estilos das peças íntimas, contou com duas modelos desfilando grávidas de lingerie. Uma delas, Slick Woods, foi da passarela direto para o hospital, pois entrou em trabalho de parto.

Inclusão e diversidade feminina marcam desfile da Savage x Fenty

Já em Londres, a Temperley London foi a campeã da diversidade na passarela, não só por seus vestidos que misturam estampas da Roma clássica com a cultura ameríndia. A estilista colocou na passarela sua própria mãe e as amigas: as atrizes Nathalie Emmanuel (Game of Thrones) e Helen McCrory (Harry Potter), a chef Jasmine Hemsley, a cantora Corinne Bailey Rae e uma modelo grávida, Arizona Muse. O tema da maternidade também apareceu no desfile de Marta Jakubowski: a modelo argentina Valeria García, que há pouco tempo deu à luz o pequeno Antón, desfilou com uma bomba de leite sob uma camisa preta.

Marta Jakubowski na London Fashion Week

A grife italiana Dolce & Gabbana desfilou ontem, encerrando a Milan Fashion Week e levou a alta costura da marca, para além da diversidade de vestuário e de modelos, levou famílias inteiras à passarela. Isabella Rossellini desfilou com os filhos Roberto e Elettra, e o cantor norte-americano Cameron. Dallas apareceu com sua mãe, Gina, e a irmã Sierra. A Dolce & Gabbana chamou desde o influenciador italiano Mariano Di Vaio até a sobrinha da princesa Diana, Kitty Spencer, e das modelos Sara Sampaio e Barbara Palvin à ícone da moda plus size Ashley Graham. E depois mães, filhas, avós, sobrinhas, maridos e mulheres, escolhidos ao acaso.

Resultado de imagem para milan fashion week dolce & gabbana

Os desfiles ainda estão bem longe de serem inclusivos, mas é por essa pauta de inclusão e diversidade que a participação de modelos “fora do padrão” é tão importante.

Xoxo
Uma analógica na era digital

 

 

Deixe aqui seu comentário!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s