Aquaone, o tecido sustentável da Osklen!

E aí, família?! Quando o assunto é moda sustentável, não tem pra ninguém, a Osklen ainda em seus primeiros anos no mercado teve a iniciativa de tornar a sua produção o mais sustentável possível. Outro dia falei pra vocês da coleção batizada de ASAP, que é um chamado urgente para sustentabilidade na moda e um super exemplo pra outras marcas de maior difusão como ela. A coleção já está nas lojas e um dos grandes destaques são as bermudas e beach shorts feitos com tecido criado com um poliéster desenvolvido a partir da reciclagem da garrafa pet.  É 100% Nacional e 100% sustentável, vem conferir!

O tecido AQUAONE foi desenvolvido em parceria com o Instituto-E e é ideal para o surf, pois o fio de PET tem baixa absorção de água e boa resistência à tração, o que garante uma maior estabilidade e duração das peças. O nome AQUAONE faz uma analogia ao PET ser classificado como número 1 na escala de plásticos.

260618-osklen-asap-aquaone-01

O uso do PET traz inúmeras vantagens sustentáveis, como redução do descarte indiscriminado na natureza, redução do volume de lixo nos aterros sanitários e melhoria nos processos de decomposição de matérias orgânicas nos mesmos, geração de renda e empregos, entre outras. E as próprias peças da coleção feitas com AQUAONE também podem ser recicladas, já que são feitas 100% em poliéster.

260618-osklen-asap-aquaone-02

A Osklen é pioneira no uso da matéria-prima. A malha PET vem sendo usada  pela marca há dez anos e, atualmente, está presente de forma permanente em todas as coleções com o lançamento da linha de produtos E-basics, um conjunto de peças no estilo básico que utilizam matérias-primas sustentáveis, renováveis ou recicladas, e desenvolvidas para o consumo atemporal. Assim, o tecido vem para somar às linhas Aqualight e Aquaflex.

260618-osklen-asap-aquaone-03

Pra vocês terem uma ideia, só no ano passado, a Osklen reutilizou 272 mil garrafas plásticas que acabariam em lixões das cidades ou nas águas do oceano. Isto corresponde à retirada de 1,9 toneladas de plástico do meio ambiente, reduzindo o volume de lixo em aterro sanitário — o que ajuda nos processos de decomposição de matérias orgânicas, e ainda gera renda e emprego. Demais, né?

Beijos

Awa Guimarães

fimdepost

 

 

 

Deixe aqui seu comentário!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s