Prazer, lowsumerism!

Hey, folks! Vocês já perceberam o quanto consumimos em excesso? Há um tempo venho compartilhando com vocês minha visão em relação ao consumo e, principalmente, com o mercado da moda! Ainda não é algo que geral entendeu, mas consumir de forma consciente, buscar alternativas e produtos com propósito é a principal tendência da atualidade. É justamente por isso que nasceu o lowsumerism, um movimento que pretende (e pode viu?) mudar o mundo! O termo em inglês já diz a que veio: low+ consumerism, baixo consumo, ou seja, consumo equilibrado. Vem entender!

A palavra lowsumerism vem sendo usada desde agosto de 2015,  data que a Box1824, uma empresa especializada em tendências de comportamento e consumo, lançou o vídeo “The Rise of Lowsumerism”. Em cerca de 10 minutos de documentário eles mostram o nascimento do consumismo e traçam a maneira como esse hábito se desenvolveu ao longo do tempo, principalmente com a proposta de crescimento das indústrias (desde a Revolução Industrial) e o surgimento do crédito e da publicidade, que nos incentiva o tempo todo a consumir sem pensar sobre o assunto. Dá o play aí!

O recado do Lowsumerism foi dado e está claro: o consumo desmedido é o causador dos grandes males do século — compulsão, ansiedade, depressão… Isso porque somos incentivados a comprar objetos e até modos de vida, muitas vezes para nos mantermos na moda, outras por pura impulsão e, por que não dizer, compulsão? Isso sem falar que o excesso material produzido e comprado por nós gera lixo, muito lixo, e nos deixa em dívida com o nosso planeta.

meme5

Mas o movimento nos aponta uma direção para frear esse processo de autodestruição causado pelo consumismo: um profundo despertar de consciência.

meme4

Mas o que isso significa na prática? Como ser mais consciente e consumir menos? Como esse comportamento pode ser viável em uma sociedade dominada por indústrias e marcas? Sei que vocês já devem estar se interrogando e é essa a intenção do movimento. Para embarcar nessa busca, é importante ter um ponto de partia e o resultado desses questionamentos faz muitas pessoas entenderem o quanto seus hábitos têm impactado o mundo.

meme3

Posso falar por mim, após mergulhar nesse universo decidi consumir apenas produtos e serviços que acredito. Passei a apoiar marcas e projetos que fazem um trabalho de recuperação do meio ambiente, que tratam o mundo com carinho e valorizam as pessoas da cadeia de produção. Talvez, o lowsumerism não seja a solução definitiva para o nosso planeta, mas é um bom começo, né?! Que tal adotar também alguma maneira que te proporcione um consumo mais consciente?

Beijos

Awa Guimarães

fimdepost

 

 

 

1 comentário

Deixe aqui seu comentário!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s