2016: o ano em que a Diversidade conquistou as passarelas

Hey, folks! Vocês já estão em clima de fim de ano? Ele já está se aproximando e o mundo da moda, ao mesmo tempo em que olha para o futuro e planeja um 2017 ainda melhor, também relembra o que foi concretizado no decorrer de 2016. E, se há um consenso nessa história, é de que a diversidade foi o grande destaque nas passarelas.

Revistas como Elle, Vogue e Vanity Fair tem enaltecido a representatividade mostrada em desfiles e campanhas ao longo dos últimos meses e já especulam o que mais pode vir por aí. Mesmo no Brasil, temos visto grandes marcas se aliando a lindezas como Liniker, Karol Conka e Mel Gonçalves (Banda Uó), e sabemos que isso requer coragem, pois ainda há muita discriminação por parte das pessoas.

Na última edição da São Paulo Fashion Week, que você acompanhou todos os detalhes aqui no blog, vários dos melhores desfiles deram voz a públicos até então marginalizados pela publicidade. A LAB FANTASMA, uma das minhas queridinhas, colocou a beleza negra em peso na passarela, além de vários modelos plus size. E quem não se emocionou com Ronaldo Fraga e suas modelos transexuais? Eu adoreeeeei!

diversidade1

Fico muito, muito feliz em ver pessoas de diferentes etnias, gêneros, orientações, silhuetas e limitações diversas sendo representadas, afinal, a moda deve ser para todos! A diversidade neste nicho é um pequeno, mas muito importante, passo para que se combata o preconceito e a exclusão, infelizmente ainda tão presentes em nossa sociedade, neah?

Beijos!

Awa Guimarães

fimdepost

Deixe aqui seu comentário!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s